quarta-feira, 24 de setembro de 2014

A des-coberta


Então você passou por mim toda florida
E toda aquele sentimento de amizade
Como um véu se rasgou e eu então senti
Senti teu cheiro, teus passos, teu olhar
E totalmente tudo transpirava em ti
As formas mais belas de uma mulher
Suave e caudalosamente invadindo-me
Inundando-me de  muitos sentimentos
E me entendi sem conseguir entender
O porque de tudo aquilo surgir ali assim
Encontro o paradoxo de estar perdido
Sem bem saber o porque e o que fazer
Com tudo que agora sinto que vem de ti

Nenhum comentário:

Postar um comentário