sábado, 9 de agosto de 2014

Ah! Se eu fosse marinheiro


Ah! Ah! Se eu fosse marinheiro
Se eu fosse o teu marinheiro
E você fosse todo meu mar
Então, se eu fosse marinheiro
Me poria agora mesmo a nadar
Navegar eu mesmo neste mar
Sem nau, sem nada. iria nadar
Se eu fosse marinheiro no mar
O mar seria todo meu mundo
O mar seria meu próprio lar
Doce, mar de melar, meu mar
Mas eu não sou marinheiro
Nem você é meu doce mar
Então vivo navegando vazio
Daqui, d'acolá vagando navio
Na busca do encontro com a mar

Nenhum comentário:

Postar um comentário