terça-feira, 20 de agosto de 2013

Subir




Suba com disposição, suba degrau por degrau
Suba sem o esforço que faz cansar antes do tempo
Suba se possível sem parar, com cadência e adiante
Suba apoiando-se no corrimão, faça se for preciso
Suba olhando cada degrau, é melhor não tropeçar
Suba e evite olhar para o topo da escada
Ela é a sua escada, ela tem muitos degraus
Não pense sobre as reservas de energia
Lenta ou rapidamente suba, suba mais um degrau
Saiba que subindo os ratos não resistirão; logo, suba
Suba mais um degrau e olhe para cima, céu super nublado
Trovões e muita água, ameaças e barulho, então suba
Porque lá, depois das nuvens, se encontram as estrelas
A lua, o sol e as constelações para serem desfrutadas
Sem nenhuma sombra ou distorção
Então suba, suba, suba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário