terça-feira, 20 de agosto de 2013

A FORÇA DO AMOR


Nada pode aplacar esta força
Nada pode impedi-la de chegar
Basta um tom de voz, um olhar
Talvez um simples gesto de ternura
Quem sabe?
Uma flor, um simples olá
Uma bela e doce canção
O fato é que em algum lugar em nós
De forma fácil ou mais complexa
Sem que haja o gen, a pílula, a fórmula
Existe uma porta a se abrir
E então aquela voz chega devagar
Aquele perfume que você nem gostava
Um biotipo diferente do seu desejo
E você encantado diz sim a força do amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário