segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

A espera

No olhar o desejo
Na alma a dúvida
O coração palpitante
Expressa seu querer
Duvida da correspondência
Crendo na possibilidade
A soma de tudo é querer
O coração seu senhor
Durante toda sua vida
Sem querer mudar
Permaneceu alerta
Esperando a porta abrir
O tempo que for preciso
Pois tem as chaves nas mãos

Nenhum comentário:

Postar um comentário