sábado, 24 de setembro de 2011

PELE E PALAVRA


Sou pele e palavra
Mais pele do que palavra
Por este motivo falo
Para que a pele fique calada
E quando a pele cala, falo
Falo coisas da pele e não calo
E aí me calo e faço coisas da pele
E enquanto faço, falo
Porque sou palavra e pele
Razão e coração

Nenhum comentário:

Postar um comentário