terça-feira, 25 de janeiro de 2011

TRAGÉDIAS

Vidas levadas a dor
O desmazelo público
Dos que governam
Aos governados

Não são só casas em aterros
São garrafas, copos no chão
Não são só desvios de verbas
São filhos da irresponsabilidade

Uma mulher, seis filhos, cinco homens
Um homem, seis filhos, cinco mulheres
As avós tornaram-se mães
Os avôs tornaram-se pais

E a vida enrosca na tragédia
A tragédia está no cotidiano
No cotidiano a corrupção
Na corrupção o homem
Homem pobre ou rico

Nenhum comentário:

Postar um comentário