quinta-feira, 11 de março de 2010

Manter-me


Havia uma liberdade em mim
E eu a perdi
Havia tambem um sentimento puro
E eu o perdi
Houve um tempo de esperança
E eu o perdi
Perdi pouco, perdi muito
Perdi coisas e sentimentos
Pessoas e projetos
Mas não me perdi de mim

Nenhum comentário:

Postar um comentário