quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

CRISTAL


O que tens por certo
Pode ser incerto
Se houver apreço
Se existe preço
Evite causar desprezo
Preza com todo ser
Constroi com alma
Em mente sana

Em tudo
Ou qualquer lugar
Mantenha o padrão
Em metro ou cana
Cristal ou porcelana

E assim,
A velha gana
De se querer
De se dar
De se saber
E de fazer
Um bem querer
Dará seu fruto

Nenhum comentário:

Postar um comentário